terça-feira, 21 de fevereiro de 2012

Carnaval 2012 - Hiking Cânion da Chapadinha em Piraí do Sul




Quando se pensa no carnaval, logo vem a lembrança da praia. Acredito, porque a maioria das capitais brasileiras são no litoral, como o Rio de Janeiro e o maior espetáculo da terra da época. Se você está no litoral tudo bem, mas se precisa se deslocar vem então aquela imagem do congestionamento. É a estrada congestionada, a praia, o restaurante, o mercado, a balada, enfim tudo.

Por não estar na praia nesse período, a tempos decidi tomar rumos diferentes. Em  2009 estive em Prudentópolis e em 2011 nos Aparados da Serra. Lembrei que em 2010 eu fui a Piçarras e peguei um congestionamento totalizando 5 horas de um percurso na sexta-feira a noite que se faz em 2,5 horas.


Dessa vez retornei ao Piraí do Sul, na pousada Serra do Pirahy, próximo ao cânion da Chapadinha. Eu estive lá noutra ocasião, de 01 dia,  para fazer a trilha da cachoeira Paulina.








Nesta viagem essas foram as seguintes atrações:

01) Cânion Guartelá, Castrolanda e rio sobre o lageado de pedra na pousada com vários locais de banho, 



02) trilha da cachoeira Paulina que devido ao tempo fechado coloquei aqui as fotos da 1. vez que estive lá



03) trilha para o topo da cachoeira onde as atrações são as formações rochosas típicas dos Campos Gerais e 02 sítios de pinturas rupestres e caminhada subindo por dentro do rio tipo o programa da TV a Cabo A Prova de Tudo.

04) Aproveitando o Rio próximo a pousada



Tivemos um pedal de 16 km. Antes avaliamos a possibilidade de fazer um de 40 km, mas a volta teria uma subida na serra de 8 km, que não contemplariam todos, e a van de apoio estaria em outra cidade e também porque o percurso seria mais de exercício físico do que de atração.

Enfim no feriado onde quem não pula no desfile de carnaval, pula entre desvios da trilha, de ponta num rio, ou embaixo de uma cachoeira.

Comentários:

Ps 01. A região dos Campos Gerais e suas formações rochosas com rios sobre os lageados de pedra e cachoeiras se estende da Lapa até Sengés na divisa com São Paulo. Essa direção quase que NOR-Nordeste tem muitas atrações. A única coisa que não se estende por lá é o projeto de turismo típico dessa paisagem. As cidades não se conversam para um roteiro turístico. Se você procurar aqui  verá uma parte disso que estou comentando.

Ps 02 As trilhas por GPS estão aqui cachoeira e topo, mas o acesso é pago e guiado pelo Emerson proprietário da Pousada. Mesmo pago não é tudo liberado na permanência porque a quem pense que tem todos os direitos, inclusive de deixar lixo e causar fogueiras desnecessárias.

Ps 03. O comentário do Emerson sobre a água que depois de 1,0 metro da nascente já está comprometida é digno dos tempos de sustentabilidade.

Ps 04. Blogueiros Caminhantes estiveram lá também.


2 comentários:

Cristiano Amaro disse...

Só quem conhece mesmo sabe a dimensão da beleza deste lugar... Parabéns!!!

Jopz_B1B disse...

Bela opção, essa região tbem é show. Estive umas 3 vezes de um lado e 1 vez do outro lado do canion, mas essa cachoeira não conheci ainda.show essas pinturas.

JOPZ

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...